Em destaque

Pressione os vereadores para que exijam a retirada do projeto covarde de Melo.

Pressione os vereadores para que exijam a retirada do projeto de Reforma do prefeito Melo que é injusto por tentar fazer com que os servidores paguem uma dívida da prefeitura. E é covarde porque quer tirar metade da pensão por morte de quem está arriscando a vida no combate ao coronavírus. Pressione agora!

Carta dos municipários aos vereadores

Senhor(a) Vereador(a)
Sou municipário e quero respeitosamente abrir um diálogo sobre o Projeto de Emenda à Lei Orgânica (Pelo) 02/2020. 

Vou lhe apresentar cinco grandes motivos para não apoiar este projeto.
Ele é injusto, covarde, cruel, ilegal e está na contramão da realidade. 

  1. Por que é injusto?
    Por que a dívida não é dos trabalhadores, é da prefeitura que não recolheu a parte da patronal. Portanto, tem que ser paga pela prefeitura, não pelos trabalhadores municipários, cuja contribuição previdenciária já foi aumentada em 3% e estão há cinco anos sem a reposição da inflação, acumulando perdas salariais que superam os 20%, sem falar nos direitos retirados com as legislações impostas pelos governos federal e municipal.
  2. Por que é covarde?
    Porque o projeto foi apresentado agora na pandemia, momento em que os municipários não podem se defender e tem grande parte da categoria em serviços essenciais prestados aos porto-alegrenses.
  3. Por que é cruel?
    Por que propõe retirar metade da pensão por morte, justo daqueles que estão agora arriscando a vida no combate ao Coronavírus.
  4. Por que está fora da lei?
    Porque a lei que permite mexer nos percentuais de desconto previdenciário exige que as alterações sejam embasadas em cálculos atuariais. Melo não anexou este cálculo em sua proposta.
  5. Por que está na contramão da realidade?
    Porque, infelizmente, em função da pandemia a expectativa de vida, elemento chave de  qualquer cálculo atuarial, se alterou bruscamente conforme estudos. Outro elemento a ser considerado é que boa parte das pessoas que tinham aposentadorias ou pensões a receber vieram a óbito.
    Neste contexto, um estudo sério tem a tendência de apontar para a diminuição na idade das aposentadorias, redução das alíquotas de contribuição, entre outros. 

Portanto, senhor(a) vereador(a), a proposta de Reforma da Previdência apresentada por Melo é injusta, covarde, cruel, fora da lei e caminha na contramão da realidade. Não há motivo plausível para arrancar dinheiro dos nossos já desvalorizados salários.
Não pedimos que o(a) Senhor(a) faça nada para beneficiar os municipários. 
Pedimos apenas que faça justiça pressionando o prefeito Sebastião Melo para retirar o Projeto de Emenda à Lei Orgânica – PELO 02/2020 e, caso necessário, vote contra. Isso será suficiente para que os mais de 30 mil municipários que compõem esta categoria bastante influente, lhe seja muito grata.

Obrigado pelo apoio.

Pressione os vereadores para que exijam a retirada do projeto covarde de Melo.

145 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
145 Delourdes B. maio 17, 2021
144 Raul O. maio 17, 2021
143 Evelise S. maio 16, 2021
142 Aline S. maio 16, 2021
141 Alessandra V. maio 15, 2021
140 Roberto R. maio 15, 2021
139 Antônia G. maio 15, 2021
138 Sandra Mara M. maio 15, 2021
137 Deise Suelen S. maio 15, 2021
136 Márcia K. maio 15, 2021
135 Evandro C. maio 15, 2021
134 Augusto D. maio 15, 2021
133 Inez P. maio 15, 2021
132 Denise P. maio 15, 2021
131 gladis w. maio 15, 2021
130 Fernanda A. maio 15, 2021
129 Adriano Roque D. maio 15, 2021
128 Pedro B. maio 15, 2021
127 Deborah P. maio 15, 2021
126 Luisa pieper l. maio 15, 2021
125 Jorge S. maio 15, 2021
124 Paulo Robinson S. maio 15, 2021
123 Daniela T. maio 15, 2021
122 Thassiane J. maio 15, 2021
121 Vitor L. maio 15, 2021
120 Glaucia V. maio 15, 2021
119 Paulo M. maio 15, 2021
118 Roberto B. maio 15, 2021
117 Sandra D. maio 15, 2021
116 Alexandre L. maio 15, 2021
115 ANTÔNIO AUGUSTO SARTI FLOR S. maio 15, 2021
114 Márcia T. maio 14, 2021
113 Celi R. maio 14, 2021
112 Liliana B. maio 14, 2021
111 Olavo Norberto J. maio 14, 2021
110 Marta C. abr 23, 2021
109 Eva A. abr 23, 2021
108 Sirlei S. abr 23, 2021
107 Odete S. abr 23, 2021
106 Karla C. abr 22, 2021
105 Valderes A. abr 22, 2021
104 Tânia G. abr 21, 2021
103 Carolina M. abr 20, 2021
102 Mara A. abr 19, 2021
101 Ana P. abr 19, 2021
100 Matheus M. abr 18, 2021
99 Denise C. abr 18, 2021
98 Anna Beatriz D. abr 18, 2021
97 Tania M. abr 17, 2021
96 Cláudia M. abr 17, 2021

Pressione os vereadores para defender a sua aposentadoria

Para que nosso sonho da aposentadoria não vire pesadelo, temos que pressionar os vereadores ao máximo.
Assine o Pressione e compartilhe com todo mundo, pedindo para assinarem também. Temos que mostrar aos vereadores a força dos municipários e municipárias.

“Sr.(a) Vereador(a)

Sua decisão marcará a minha vida.

Somos mais de 30 mil famílias de municipários. Mais de 100 mil pessoas que, por sua decisão, terão prejuízos enormes para o resto da vida, ou não. Por sua decisão podem ter que trabalhar sete anos a mais, antes de se aposentarem, ou não. Sua decisão pode fazer com que mesmo aqueles que estão na linha de frente da guerra contra o coronavírus, caso venham a falecer, tenham que deixar para a família somente a metade da pensão, ou não.
Os municipários estão há mais de cinco anos sem nenhum reajuste e já tiveram a alíquota da Previdência aumentada de 11% para 14%, sem que o Previmpa necessitasse. Pela sua decisão, ao invés de reposição das perdas, poderemos ter que pagar uma conta que não é nossa – e sim da prefeitura – e você sabe disso. Está em lei.
Sua decisão, a favor ou contra esta covardia, marcará a minha vida e de minha família para sempre. Por isso seu voto será decisivo.
Então, vote pela rejeição deste projeto.”

Pressione os vereadores para defender a sua aposentadoria

Sr.(a) Vereador(a)

Sua decisão marcará a minha vida.

Somos mais de 30 mil famílias de municipários. Mais de 100 mil pessoas que, por sua decisão, terão prejuízos enormes para o resto da vida, ou não. Por sua decisão podem ter que trabalhar sete anos a mais, antes de se aposentarem, ou não. Sua decisão pode fazer com que mesmo aqueles que estão na linha de frente da guerra contra o coronavírus, caso venham a falecer, tenham que deixar para a família somente a metade da pensão, ou não.
Os municipários estão há mais de cinco anos sem nenhum reajuste e já tiveram a alíquota da Previdência aumentada de 11% para 14%, sem que o Previmpa necessitasse. Pela sua decisão, ao invés de reposição das perdas, poderemos ter que pagar uma conta que não é nossa - e sim da prefeitura - e você sabe disso. Está em lei.
Sua decisão, a favor ou contra esta covardia, marcará a minha vida e de minha família para sempre. Por isso seu voto será decisivo.
Então, vote pela rejeição deste projeto.

%%sua assinatura%%

1,328 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
1,328 Maria D. maio 18, 2021
1,327 Gabriela J. maio 18, 2021
1,326 Shauana S. maio 18, 2021
1,325 Mateus M. maio 18, 2021
1,324 Cleida Maria G. maio 18, 2021
1,323 Maria Assunção S. maio 18, 2021
1,322 Adilson N. maio 18, 2021
1,321 Estefani R. maio 18, 2021
1,320 Luiz Antônio M. maio 18, 2021
1,319 Paulo Roberto S. maio 18, 2021
1,318 Rodrigo Henrique C. maio 18, 2021
1,317 Joice C. maio 18, 2021
1,316 Verônica S. maio 18, 2021
1,315 Carlos C. maio 18, 2021
1,314 Daniela Fernandes de C. maio 18, 2021
1,313 Jusçara C. maio 18, 2021
1,312 Magda A. maio 18, 2021
1,311 Simone A. maio 18, 2021
1,310 Lurdes Maria Toazza T. maio 18, 2021
1,309 Vera M. maio 18, 2021
1,308 Edmilson L. maio 18, 2021
1,307 Marisabete d. maio 17, 2021
1,306 Jorge marcelo S. maio 17, 2021
1,305 Alessandra F. maio 17, 2021
1,304 MAURÍCIO T. maio 17, 2021
1,303 Luis Ricardo A. maio 17, 2021
1,302 Paulo Valmir Domingos dos Santos s. maio 17, 2021
1,301 Jorge L. maio 17, 2021
1,300 Almerindo C. maio 17, 2021
1,299 José S. maio 17, 2021
1,298 Ana Naria G. maio 17, 2021
1,297 Ana A. maio 17, 2021
1,296 Márcia A. maio 17, 2021
1,295 Andreo Vinícius H. maio 17, 2021
1,294 Vera M. maio 17, 2021
1,293 Rovena F. maio 17, 2021
1,292 Núbia M. maio 17, 2021
1,291 Marcelo D. maio 17, 2021
1,290 Luciano L. maio 17, 2021
1,289 Elisandra K. maio 17, 2021
1,288 Rita Gisele M. maio 17, 2021
1,287 João Roberto M. maio 17, 2021
1,286 Flora F. maio 17, 2021
1,285 Andrea H. maio 17, 2021
1,284 Francisco Jardel d. maio 17, 2021
1,283 Marlei Machado T. maio 17, 2021
1,282 Luciani C. maio 17, 2021
1,281 Miguel Fernando S. maio 17, 2021
1,280 Rosangela D. maio 17, 2021
1,279 Cristina P. maio 17, 2021

Pressione os vereadores que querem calar os municipários

O Simpa veiculou um vídeo na televisão com a chamada “o HPS pede socorro”, onde denunciava a calamidade que se encontrava o Hospital depois da terceirização adotada por Sebastião Melo. A denúncia fez com que resolvessem o problema, mas têm vereadores querendo aprovar moção de repúdio contra a ação do nosso Sindicato. Vamos mostrar a eles que o Simpa tem obrigação de defender a vida da população e a qualidade dos serviços públicos.
Queremos serviço público de qualidade
e 100% Público.
#ServiçoPúblicoSalvaVidas
#DefendaOSUS

“Sr.(a) Vereador(a)

Quero pedir sua atenção para um fato grave que ocorreu no HPS
O Simpa, Sindicato dos Municipários de Porto Alegre, veiculou um vídeo na televisão com a chamada “o HPS pede socorro”, onde denunciava a calamidade que se encontrava o Hospital Pronto Socorro depois da terceirização adotada por Sebastião Melo.
Ocorre que o prefeito entregou para uma empresa privada, sem concorrência, a administração de uma ala do HPS para tratar dos pacientes vítimas da covid-19.
O Sindicato denunciou que a empresa terceirizada havia colocado profissionais para cuidar das vidas dos porto-alegrenses, sem dar-lhes o devido preparo, específico para atuar com o coronavírus, necessário mesmo para quem já tem boa formação.
Empresas privadas visam lucro. As terceirizadas geralmente pagam salários aviltantes e não investem como deveriam no treinamento. Essa exploração faz com que os profissionais não permaneçam muito tempo, causando grande rotatividade e obrigando os já sobrecarregados servidores públicos da saúde a, além do seu serviço, terem que viver um eterno recomeçar, dando orientações básicas cada vez que mudam os funcionários da terceirizada.
Os servidores Públicos, por sua vez, são testados e aprovados em concurso público e passam por processo de treinamento. Isso, além de acumularem conhecimento na sua carreira. Oportunidade que o sistema terceirizado, via de regra, não proporciona.
No caso específico do HPS havia profissionais aprovados em concurso que poderiam ter sido chamados. Mas, como o prefeito preferiu contratar empresa privada, deu no que deu. Essas denúncias haviam sido feitas em reunião com o prefeito Melo, onde a direção do HPS confirmou a situação. O prefeito ficou de dar solução, porém, não cumpriu a promessa, obrigando o Simpa a agir.
Agora, quando o Sindicato botou a boca no trombone, o problema foi resolvido antes mesmo da veiculação na TV ser concluída.
O Simpa está preocupado com o atendimento à população e vai ficar de olho. Aos vereadores que quiseram manifestar repúdio ao sindicato pelas denúncias que fez, a direção da entidade sugere que, ao invés disso, agradeçam pelo sindicato ter-lhes ajudado a cumprir sua função de fiscalizar o executivo municipal.

Queremos serviço público de qualidade
e 100% Público.
#ServiçoPúblicoSalvaVidas
#DefendaOSUS”

O HPS pede socorro

216 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
216 Edmílson L. maio 18, 2021
215 Cinthia B. maio 15, 2021
214 Carolina H. maio 15, 2021
213 Celi R. maio 14, 2021
212 Sandra Regina C. abr 27, 2021
211 Ewelin N. abr 26, 2021
210 HENRIQUE P. abr 26, 2021
209 Denise M. abr 26, 2021
208 Carlos S. abr 25, 2021
207 Rosângela C. abr 25, 2021
206 Paula M. abr 25, 2021
205 Dulce Fontoura Vasconcelos F. abr 25, 2021
204 Maria de Lourdes C. abr 24, 2021
203 ROUSSELI ANI M. abr 24, 2021
202 Carlos S. abr 24, 2021
201 Alessandra P. abr 24, 2021
200 ernestina d. abr 24, 2021
199 Valdy J. abr 24, 2021
198 Everton O. abr 23, 2021
197 Fernando M. abr 23, 2021
196 Cristine K. abr 23, 2021
195 Glaucia G. abr 23, 2021
194 Bernadete F. abr 23, 2021
193 Tania W. abr 23, 2021
192 Zoraide I. abr 23, 2021
191 Sandra R. abr 23, 2021
190 Alice A. abr 23, 2021
189 Sandra N. abr 23, 2021
188 Carmen T. abr 23, 2021
187 Beatriz Maria S. abr 23, 2021
186 Arno S. abr 23, 2021
185 Elaine S. abr 23, 2021
184 Almerindo C. abr 23, 2021
183 Luciana L. abr 23, 2021
182 Jailson P. abr 23, 2021
181 Elizah R. abr 23, 2021
180 Rita B. abr 23, 2021
179 Tais S. abr 23, 2021
178 Maria G. abr 23, 2021
177 Adriana D. abr 22, 2021
176 Rodrigo C. abr 22, 2021
175 Clarice C. abr 22, 2021
174 Marcia K. abr 22, 2021
173 Tavama S. abr 22, 2021
172 Shirlei D. abr 22, 2021
171 Maristela C. abr 22, 2021
170 Efraim G. abr 22, 2021
169 Patrícia H. abr 22, 2021
168 Marcelo M. abr 22, 2021
167 Claudia F. abr 22, 2021

Abaixo-assinado dos trabalhadores do HMIPV

Trabalhador do HMIPV, ajude a pressionar pelo imediato retorno da Enf. Sandra Manjorit C. M. Gonçalves ao seu cargo de direção no HMIPV.

Sr. Diretor Geral do HMIPV
Dr. Cincinato Fernandes Neto

Tendo em vista a notícia recebida na data de 16/04/2021, sobre a saída de forma abrupta da atual Direção de Enfermagem do HMIPV, Enf° Sandra Manjorit C. M. Gonçalves, os trabalhadores do HMIPV vêm através deste abaixo assinado expressar o seu total apoio à permanência da mesma no referido cargo.
Salientamos que a Enf° Sandra Manjorit C. M. Gonçalves encontra-se há apenas um mês na atual gestão, período em que vem buscando fazer uma administração dialogada com o conjunto dos servidores de enfermagem lotados no HMIPV para reorganização dos serviços de enfermagem, os quais foram totalmente precarizados pela gestão anterior. 

Observamos que, antes da atual Direção, por muitos anos tivemos no HMIPV uma Direção de Enfermagem com práticas conflituosas, antidemocráticas e sem diálogo com os servidores deste hospital, prejudicando em muito o desenvolvimento dos serviços. Período ao qual os servidores não querem retornar. 
Expressamos neste documento nossa mais profunda contrariedade a esta mudança abrupta, a qual entendemos, em nada vai favorecer o melhor andamento do HMIPV no atendimento a população.  

Diante do exposto, os trabalhadores do HMIPV solicitam sua reconsideração e imediato retorno da Enf. Sandra Manjorit C. M. Gonçalves ao seu cargo de direção. No qual apontou para um novo momento de defesa e valorização do serviço público no HMIPV, justamente, neste momento tão difícil para a saúde em meio a uma Pandemia e crise sanitária sem precedentes. 

#FicaSandra  #DiretoraDeEnfermagemHMIPV

#FicaSandra 

156 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
156 Maria Maristela T. maio 16, 2021
155 Isabel C. abr 24, 2021
154 arlete o. abr 19, 2021
153 Guilherme Verdum N. abr 18, 2021
152 Gabriela T. abr 18, 2021
151 Graciele O. abr 18, 2021
150 Nara B. abr 18, 2021
149 Isabel P. abr 18, 2021
148 millena o. abr 18, 2021
147 Daniel B. abr 18, 2021
146 Márcia Helena B. abr 18, 2021
145 Maria Z. abr 17, 2021
144 Vivian R. abr 17, 2021
143 Liliane f. abr 17, 2021
142 Roselaine A. abr 17, 2021
141 Zélia Maria c. abr 17, 2021
140 Flávia Santos S. abr 17, 2021
139 Sandra D. abr 17, 2021
138 Andrea B. abr 17, 2021
137 Patricia P. abr 17, 2021
136 Letícia N. abr 17, 2021
135 Juliette T. abr 17, 2021
134 Alexandra M. abr 17, 2021
133 Jasminne T. abr 17, 2021
132 Lidiane M. abr 17, 2021
131 Adriana D. abr 17, 2021
130 Iara T. abr 17, 2021
129 Romenito S. abr 17, 2021
128 Eduarda R. abr 17, 2021
127 Sandra iara G. abr 17, 2021
126 Mirtha Z. abr 17, 2021
125 bárbara s. abr 17, 2021
124 Priscila T. abr 17, 2021
123 Roselaine S. abr 17, 2021
122 Ana Maria B. abr 17, 2021
121 Wagner R. abr 17, 2021
120 Ângela C. abr 17, 2021
119 ADRIANA S. abr 17, 2021
118 SABRINA N. abr 17, 2021
117 MARTA C. abr 17, 2021
116 Mara S. abr 17, 2021
115 Tamara Helena N. abr 17, 2021
114 Ana Cristina T. abr 17, 2021
113 Maria G. abr 17, 2021
112 Brunna V. abr 17, 2021
111 Liria M. abr 17, 2021
110 Gabriela C. abr 17, 2021
109 Cintia C. abr 17, 2021
108 Fernanda S. abr 17, 2021
107 Isabel S. abr 17, 2021

Você quer que baixem os preços do gás de cozinha, óleo diesel e gasolina?

Então, pressione os deputados! Os preços estão altos por que o governo federal decidiu que a Petrobrás iria cobrar preços internacionais pelo petróleo que é produzido e refinado aqui no Brasil. Isso é um contrassenso. A Petrobrás é nossa. O preço pode ser justo. Basta o presidente decidir.
Pressione os deputados e compartilhe com seus contatos. Juntos a gente faz mudar!

“Sr.(a) Deputado(a)

Chega de cobrar preços internacionais pelo que é produzido aqui

Nós, brasileiros, estamos sofrendo uma das piores crises da nossa história. Desemprego, fome, miséria e preços nas alturas. Mas têm atitudes que podem ser tomadas para melhorar a situação. Reduzir os preços dos combustíveis é uma delas. Pois, quando eles aumentam, elevam o preço de tudo o que é transportado.

O gás de cozinha, o diesel e a gasolina, apesar de serem produzidos aqui, estão com preços cada vez mais altos. Isso acontece porque o governo decidiu que a Petrobrás deveria cobrar preços internacionais. Com o real desvalorizado, pagar pela cotação em dólar é desumano.
Mas não precisa ser assim. É um contrasenso cobrar preços internacionais dos combustíveis, pois o petróleo é produzido e refinado aqui. Com a gasolina a situação é ainda mais contraditória, pois ela tem 27% de álcool, vindo dos canaviais brasileiros. Então porque nos obrigar a pagar o preço cobrado lá fora?
Não dá para o nosso povo continuar pagando caro só para dar dinheiro a especuladores da bolsa de Nova Iorque.
Parar de cobrar preços internacionais é uma decisão política que pode ser tomada pelo presidente. É uma solução rápida que não depende de outros poderes, nem da aprovação de leis, como seria o caso da redução de impostos.A Petrobrás é nossa. O preço dos combustíveis pode ser justo.
Se o presidente tomar a decisão de baixar os preços dos combustíveis, pode provocar a redução nos preços de tudo o que é transportado. Nossa economia pode voltar a aquecer e o Brasil pode sair da crise mais rápido.
Por isso, pedimos ao(a) deputado(a) que ajude a pressionar o presidente para fazer com que a nossa Petrobrás esteja a serviço dos brasileiros, cobrando o preço justo.
Obrigado pelo apoio.

A Petrobrás é nossa. Os preços dos combustíveis podem ser justos.”

Chega de pagar caro

78 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
78 Marcelo M. maio 17, 2021
77 Fábio M. maio 17, 2021
76 Celso S. maio 17, 2021
75 Antonio Carlos D. maio 17, 2021
74 Adrione Fabiano B. maio 17, 2021
73 Tatiana S. maio 16, 2021
72 mateus martins dos s. maio 16, 2021
71 Alex Sandro Z. maio 15, 2021
70 Christina Isabel V. maio 14, 2021
69 Guilherme d. maio 14, 2021
68 Cláudio D. maio 14, 2021
67 Celia D. maio 13, 2021
66 Fabiane F. maio 12, 2021
65 Fernando Maia C. maio 12, 2021
64 MIRIAM C. maio 11, 2021
63 Michelle G. maio 11, 2021
62 rejane D. maio 10, 2021
61 Jussara Beatriz H. maio 10, 2021
60 Luciano s. maio 09, 2021
59 Juila S. maio 09, 2021
58 GENISMAR B. maio 09, 2021
57 Shanda G Martin S. maio 09, 2021
56 Roberto S. maio 09, 2021
55 Vera p. maio 09, 2021
54 Helio D. maio 08, 2021
53 Douglas w. F. maio 08, 2021
52 Leon d. maio 07, 2021
51 FRANCIS JOELMIR DA R. maio 07, 2021
50 Arlete Silva S. maio 07, 2021
49 Gerson D. maio 06, 2021
48 Sidnei B. maio 06, 2021
47 Elson M. maio 06, 2021
46 Taise Tatiana Quadros da S. maio 06, 2021
45 Delcimar Delabary V. maio 05, 2021
44 Luis Alberto L. maio 05, 2021
43 Cátia Regina Duarte M. maio 05, 2021
42 Alex Sandro R. maio 05, 2021
41 Fabricio D. maio 05, 2021
40 Elias S. maio 04, 2021
39 Maria do Carmo B. maio 04, 2021
38 Marcio S. maio 03, 2021
37 Marcio M. maio 03, 2021
36 Darlei F. maio 01, 2021
35 Guilherme Francisco Volkart V. abr 30, 2021
34 Deise C. abr 30, 2021
33 Sérgio M. abr 30, 2021
32 Tulio A. abr 30, 2021
31 Angelo P. abr 30, 2021
30 Alexsandro P. abr 29, 2021
29 Martina F. abr 29, 2021

Vereadores, pressionem o prefeito para que retire o projeto de reforma da Previdência!

Ajude a pressionar os vereadores contra mais esse ataque aos direitos e aos já minguados salários dos municipários, pedindo a retirada do projeto 002/20, de reforma da previdência.

Prezado(a) vereador(a)

Pedimos aos vereadores e vereadoras para que pressionem o prefeito Melo para retirar o projeto de lei que trata da reforma da Previdência dos servidores públicos municipais.

Nos últimos quatro anos, a categoria enfrentou uma gestão que atacou e sucateou o serviço público, deteriorando as condições de trabalho e a remuneração dos servidores(as).

Desde 2016, os salários não são reajustados, a perda acumulada é de 20,16% (IPCA/IBGE) e o aumento da contribuição ao Previmpa (de 11% para 14%) levou à retirada de mais 3% do salário. A categoria também perdeu com a transformação dos triênios em quinquênios e a extinção dos adicionais por tempo de serviço de 15% e 25%.

Além disso, o projeto descumpre a legislação previdenciária, uma vez que não foram realizados estudos sobre aumentos das idades mínimas e não foi apresentado Relatório de Avaliação Atuarial datado de 31/12/2020. Também não foram elaborados demonstrativos dos impactos das alterações em relação ao plano de custeio, e o Previmpa não apresentou os resultados da Auditoria Atuarial Externa.

A reforma da Previdência é mais um duro ataque aos direitos da categoria. Não aguentamos mais tantas perdas! Vereadores, pressionem o prefeito para retirar o projeto de reforma da Previdência!

VEREADORES: PRESSIONEM O PREFEITO PARA RETIRAR A REFORMA DA PREVIDÊNCIA!

1,737 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
1,737 Miguel Ângelo S. maio 15, 2021
1,736 Maria Gorete d. maio 15, 2021
1,735 Maria Do Carmo B. abr 16, 2021
1,734 Valnor H. abr 15, 2021
1,733 MARGANE F. abr 15, 2021
1,732 Cintia C. abr 15, 2021
1,731 Ana Luiza S. mar 23, 2021
1,730 Marco M. mar 23, 2021
1,729 Tatiane M. mar 23, 2021
1,728 Carlos pereira F. mar 23, 2021
1,727 VANESSA O. mar 22, 2021
1,726 Patrícia G. mar 22, 2021
1,725 João C. mar 22, 2021
1,724 Veimar P. mar 21, 2021
1,723 Alessandra de Souza V. mar 21, 2021
1,722 Cesar S. mar 21, 2021
1,721 Bianca R. mar 21, 2021
1,720 ELIANE T. mar 21, 2021
1,719 Gisele F. mar 20, 2021
1,718 Marisa Lina K. mar 20, 2021
1,717 Elizângela S. mar 20, 2021
1,716 Terezinha esteris da Silva S. mar 20, 2021
1,715 Maria jaci Manchado de Souza S. mar 20, 2021
1,714 Jose J. mar 20, 2021
1,713 Rosângela C. mar 20, 2021
1,712 Cila B. mar 19, 2021
1,711 Rui carlos M. mar 19, 2021
1,710 Denise B. mar 19, 2021
1,709 Miguel Fernando S. mar 19, 2021
1,708 Evelise S. mar 19, 2021
1,707 Sucel F. mar 19, 2021
1,706 Ana A. mar 19, 2021
1,705 VIVIANE ELISA D. mar 19, 2021
1,704 Edina Regina d. mar 19, 2021
1,703 Andréa B. mar 19, 2021
1,702 Francisco F. mar 19, 2021
1,701 Rudi E. mar 19, 2021
1,700 Ângela L. mar 19, 2021
1,699 Vera Elisa F. mar 19, 2021
1,698 Luciana Conceição L. mar 19, 2021
1,697 Ana Cristina Motta S. mar 19, 2021
1,696 Adriana O. mar 19, 2021
1,695 Carina R. mar 19, 2021
1,694 Jose Paulo G. mar 19, 2021
1,693 Arlete Moraes O. mar 19, 2021
1,692 Estela Pinto C. mar 19, 2021
1,691 Elizabeth G. mar 18, 2021
1,690 LUIS CESAR S. mar 18, 2021
1,689 Thiago P. mar 18, 2021
1,688 Gladis O. mar 18, 2021

Retira o PL, Melo!

Ajude a pressionar o prefeito contra mais esse ataque aos direitos e aos já minguados salários dos municipários, pedindo a retirada do projeto 002/20, de reforma da previdência.

Prefeito Melo,

Pedimos que seja retirado da Câmara o projeto de lei que trata da reforma da Previdência dos servidores públicos municipais e que seja aberto um processo de diálogo com os trabalhadores.

Nos últimos quatro anos, a categoria enfrentou uma gestão que atacou e sucateou o serviço público, deteriorando as condições de trabalho e a remuneração dos servidores(as).

Desde 2016, os salários não são reajustados, a perda acumulada é de 20,16% (IPCA/IBGE) e o aumento da contribuição ao Previmpa (de 11% para 14%) levou à retirada de mais 3% do salário. A categoria também perdeu com a transformação dos triênios em quinquênios e a extinção dos adicionais por tempo de serviço de 15% e 25%.

Além disso, ao dar andamento ao projeto, o governo estará descumprindo a legislação previdenciária, uma vez que não foram realizados estudos sobre aumentos das idades mínimas e não foi apresentado Relatório de Avaliação Atuarial datado de 31/12/2020. Também não foram elaborados demonstrativos dos impactos das alterações em relação ao plano de custeio e o Previmpa não apresentou os resultados da Auditoria Atuarial Externa.

A reforma da Previdência é mais um duro ataque aos direitos da categoria municipária. Não aguentamos mais tantas perdas! Retira o PL, Melo!

Retira o PL, Melo!

1,387 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
1,387 Gilberto S. abr 16, 2021
1,386 Maria Maristela T. abr 09, 2021
1,385 Suzete M. abr 09, 2021
1,384 Memora T. abr 05, 2021
1,383 Pedro Paulo T. abr 05, 2021
1,382 Luci Teresinha M. mar 26, 2021
1,381 Ana Luiza S. mar 23, 2021
1,380 Carlos Augusto F. mar 23, 2021
1,379 VANESSA O. mar 22, 2021
1,378 Bruno S. mar 22, 2021
1,377 Patrícia G. mar 22, 2021
1,376 Rosemeri B. mar 22, 2021
1,375 Rosangela O. mar 22, 2021
1,374 Paulo José de M. mar 21, 2021
1,373 Irene L. mar 21, 2021
1,372 Cesar S. mar 21, 2021
1,371 Rosimeri Ferrari B. mar 21, 2021
1,370 Bianca R. mar 21, 2021
1,369 Luiz Alberto C. mar 20, 2021
1,368 Cintia Z. mar 20, 2021
1,367 Leila R. mar 20, 2021
1,366 Gisele F. mar 20, 2021
1,365 Marisa Lina K. mar 20, 2021
1,364 Sonia P. mar 20, 2021
1,363 Kenya G. mar 20, 2021
1,362 Francisco O. mar 20, 2021
1,361 Elizângela S. mar 20, 2021
1,360 Maria Neli R. mar 20, 2021
1,359 Rosângela d. mar 20, 2021
1,358 Rui Carlos M. mar 19, 2021
1,357 Maria Inês B. mar 19, 2021
1,356 Celia M. mar 19, 2021
1,355 Monica L. mar 19, 2021
1,354 Rosane G. mar 19, 2021
1,353 Rudi E. mar 19, 2021
1,352 Deborah L. mar 19, 2021
1,351 Francisca Santos S. mar 19, 2021
1,350 Mirella M. mar 19, 2021
1,349 Adriana C. mar 19, 2021
1,348 Liege L. mar 19, 2021
1,347 Daniel L. mar 19, 2021
1,346 Paulo F. mar 19, 2021
1,345 Júlio César L. mar 19, 2021
1,344 João M. mar 19, 2021
1,343 Adilcenara Rocha dos S. mar 19, 2021
1,342 tiago e. mar 19, 2021
1,341 Karla S. mar 19, 2021
1,340 Marly S. mar 19, 2021
1,339 Sérgio Castro B. mar 19, 2021
1,338 Ronaldo d. mar 19, 2021

PELA ECONOMIA DE DINHEIRO PÚBLICO E QUALIFICAÇÃO DO TJRS

Ajude a mostrar aos Desembargadores que a exigência da formação em direito nos concursos para Oficial de Justiça é melhor para o Judiciário, para os servidores e, principalmente, para o contribuinte.

CURSO SUPERIOR EM DIREITO PARA OFICIAL DE JUSTIÇA QUALIFICA O TRABALHO PRESTADO À POPULAÇÃO

Senhor(a) Desembargador(a)
Enviamos esta mensagem para solicitar que Vossa Excelência vote favoravelmente à exigência de formação em direito para os Concursos de Oficial de Justiça.
As atividades desempenhadas pelos OJ no cumprimento das decisões judiciais são medidas que podem modificar a vida das pessoas. Exigem conhecimento jurídico e capacidade de interpretação dos comandos judiciais à luz da legislação.
Ocorre que na discussão sobre o Plano de Carreira dos Servidores, o TJ apresentou um anteprojeto que, na primeira versão, continha como exigência para os próximos concursos de Oficial de Justiça, o “nível superior em Direito”.
No entanto, na última versão, sem que nenhuma entidade representativa dos trabalhadores tivesse solicitado, o TJ mudou essa exigência para bacharelado em “qualquer área do conhecimento.”
Na maioria dos Estados da Federação, na Justiça Federal e na do Trabalho é exigido o nível superior em direito para os concursos de Oficiais de Justiça.
Com essa exigência, todos têm a ganhar. Qualifica o Judiciário e incentiva os Oficiais de Justiça a buscarem especialização e atualização permanentes. Resulta na redução do tempo de adaptação e aprendizagem do Oficial de Justiça na função, reduzindo também o retrabalho. Isso é agilizar a Justiça e aproveitar melhor os recursos públicos.
Por isso, pedimos o seu voto favorável à exigência do nível superior em direito para os próximos concursos de Oficial de Justiça. Afinal, a população gaúcha merece um Judiciário cada vez melhor.

QUALIFIQUE O TJRS E EVITE DESPERDÍCIO DE DINHEIRO PÚBLICO

1,491 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
1,491 Mauro Ângelo P. mar 31, 2021
1,490 Jackson G. mar 23, 2021
1,489 Carmen Lúcia O. mar 12, 2021
1,488 Rosye M. fev 23, 2021
1,487 José F. fev 16, 2021
1,486 Janaina R. fev 12, 2021
1,485 Jorge Luiz de Carvalho Dantas D. fev 10, 2021
1,484 Rosani S. fev 09, 2021
1,483 MARCOS C. fev 09, 2021
1,482 Mariclei Moraes S. fev 06, 2021
1,481 Leidiane G. fev 05, 2021
1,480 Sonia C. fev 05, 2021
1,479 Aldomir F. fev 05, 2021
1,478 Sonia S. fev 04, 2021
1,477 Leda M. fev 04, 2021
1,476 Bruna M. fev 04, 2021
1,475 Flavio Antonio e. fev 04, 2021
1,474 Amanda R. fev 04, 2021
1,473 Júlia R. fev 04, 2021
1,472 CARINE MERCISA V. fev 04, 2021
1,471 Emanuel D. fev 04, 2021
1,470 Maria de Fátima G. fev 04, 2021
1,469 Ademir H. fev 04, 2021
1,468 Loreley P. fev 04, 2021
1,467 Lucia S. fev 04, 2021
1,466 Marcelo L. fev 04, 2021
1,465 Virginia M. fev 03, 2021
1,464 Rosa Maria P. fev 03, 2021
1,463 Rafael S. fev 03, 2021
1,462 Gizele F. fev 03, 2021
1,461 Luciana C. fev 03, 2021
1,460 Brenda S. fev 03, 2021
1,459 MÁRCIA REGINA P. fev 03, 2021
1,458 Tereza G. fev 03, 2021
1,457 Vilma R. fev 03, 2021
1,456 Andressa P. fev 03, 2021
1,455 Rosane L. fev 03, 2021
1,454 Sulivan B. fev 03, 2021
1,453 Simone R. fev 03, 2021
1,452 Rogerio N. fev 03, 2021
1,451 Simone S. fev 03, 2021
1,450 Julio Cesar S. fev 03, 2021
1,449 Sibila Francine B. fev 03, 2021
1,448 Elizandra C. fev 03, 2021
1,447 Rodinério S. fev 03, 2021
1,446 Rozimar F. fev 03, 2021
1,445 Camila K. fev 03, 2021
1,444 Roselene B. fev 03, 2021
1,443 Andre B. fev 03, 2021
1,442 Ronaldo d. fev 03, 2021

Pressione o prefeito Melo por vacina já!

Pressione o prefeito Melo por vacina já! Vacina é direito à vida e tem que ser garantida pelo poder público. Repudiamos atitudes populistas e falsas soluções. Reivindicamos do prefeito municipal atitudes sérias, embasadas cientificamente, e que garantam para toda a população, vacina já!

Carta:

Sr Prefeito,

Porto Alegre e o Brasil precisam de Vacina Já! Reinvindicamos ao Executivo de Porto Alegre cumpra seu compromisso de gestor das políticas públicas, empreendendo todos os esforços para que a vacinação aconteça em nossa cidade, assim como as medidas segurança preconizadas pelos órgãos de saúde para prevenção e contenção da disseminação do coronavírus.

A pandemia da CoVID-19 já custou muitas vidas, que não serão esquecidas, assim como não vamos esquecer cada governante que não cumpriu seu papel para evitar estas mortes.

É compromisso de todos os brasileiros lutar pelo programa nacional de imunização, uma ação que requer do governo federal, estados e municípios um planejamento articulado e gestão dentro dos princípios de saúde global. Não é hora de precarização dos serviços públicos e da Saúde, nem de omissão, politicagem ou disseminação da desinformação.

O Brasil ultrapassou a lamentável e triste marca das 200 mil pessoas mortas pela CoVID-19. Vamos lutar para que todos os responsáveis por esta situação no país sejam punidos!

Porto Alegre não pode arriscar a ser a capital da desgraça, posição vergonhosa já ocupada por outras capitais brasileiras.

Para que possamos ser verdadeiramente Porto Alegre, reconhecida como uma Capital que luta pela vida, exigimos prevenção e #VacinaJá!

Vacina Já!

537 assinaturas

Compartilhe com seus amigos

   

Últimas assinaturas
537 Maria Helena de C. abr 19, 2021
536 MARGANE F. abr 15, 2021
535 Kátia Soraia G. mar 26, 2021
534 Jeferson N. mar 25, 2021
533 Adriane T. mar 23, 2021
532 Maria da Graça W. mar 04, 2021
531 Rossana Samarani Verran V. fev 25, 2021
530 Dandara M. fev 24, 2021
529 Ana Cristina B. fev 21, 2021
528 Marcia P. fev 13, 2021
527 Vera Lucia M. fev 03, 2021
526 Agape R. fev 01, 2021
525 Carmem d. jan 30, 2021
524 José F. jan 30, 2021
523 Leoni S. jan 30, 2021
522 Emerson d. jan 29, 2021
521 Patrícia F. jan 29, 2021
520 Daniela P. jan 29, 2021
519 Paulo K. jan 29, 2021
518 Luci justina L. jan 29, 2021
517 Selma Terezinha H. jan 29, 2021
516 Herbert B. jan 28, 2021
515 Gabriela S. jan 27, 2021
514 Sonia Marly F. jan 27, 2021
513 Hamilton Fernando P. jan 27, 2021
512 Vicente M. jan 26, 2021
511 AGDA I. jan 26, 2021
510 Denise L. jan 24, 2021
509 Adriana T. jan 24, 2021
508 Cintia Z. jan 23, 2021
507 Ângela N. jan 23, 2021
506 Maria B. jan 23, 2021
505 Adriana V. jan 22, 2021
504 Rosane do N. jan 22, 2021
503 NOELI M. jan 22, 2021
502 Karina D. jan 22, 2021
501 Lisandra Dilli da S. jan 22, 2021
500 Denize A. jan 22, 2021
499 João Domingos B. jan 22, 2021
498 Maria Elisa M. jan 22, 2021
497 Zilá K. jan 22, 2021
496 Alda S. jan 22, 2021
495 beatriz b. jan 21, 2021
494 DÓRIS C. jan 21, 2021
493 Heloisa Helena V. jan 20, 2021
492 Menélio B. jan 20, 2021
491 Dione C. jan 20, 2021
490 Marina A. jan 20, 2021
489 Carolina S. jan 20, 2021
488 Glaci Braga da S. jan 20, 2021